Site de um milhão de pixels

Alex Tew, inglês de Wiltshire, criou em 2005 o famoso site milliondollarhomepage.com. Como estava desempregado e sem dinheiro para pagar a faculdade, teve a idéia de criar um site, dividi-lo em blocos de pixels e vender o espaço de cada bloco a anunciantes interessados. Cada bloco consistia de 100 pixels, sendo que seria cobrado 1 dolar por cada pixel. Como o site tinha um milhão de pixels no total, seu ganho seria de um milhão de dólares. O resultado é que o site chegou a receber mais de 200.000 visitas em uma semana e todos os espaços foram vendidos. Alex se comprometeu em manter o site atualizado por 5 anos.




Entenda oque é deep web

Na Deep Web você encontra de tudo, se procura conhecimento você acha. se procura coisas erradas, você acha tambem.


Oque eu encontro na Deep web ?
Muitos tem medo até de falar oque viram por la!
Você encontra arquivos secretos sobre OVNI's, documentos da NASA, CIA, Interpol, pornografia infantil, videos de assassinatos, diversos tutorias, comercio de órgãos, comercio de drogas etc...muitas coisas estão lá para não serem encomodadas então, pra você que ficou curioso, vai a dica, lá é um ambiente onde mais se encontra vírus, está repleto de Hackers...então, além da sua mente ficar perturbada, seu PC também poderá sofrer consequências.


Oque é necessário para acessa-la ?
É necessário programas especiais, tal como Tor ou Freenet, que em teoria garantem o anonimato.
Utilizar sistema operacional como Ubuntu, Kurumin, Debian ou qualquer outro que não seja Windows ajuda também, pois as chances de você infectar sua maquina com vírus diminui bastante.
Mas para quem quiser arriscar segue abaixo um tutorial de como acessar a Deep Web utilizando o Windows...







Se voce não entendeu ainda, a imagem abaixo pode esclarecer um pouco suas duvidas..




Curiosidades


- Estima-se que 90% da internet não é indexada pelo Google, ou seja, não vai aparecer em
pesquisas nesse site. Ignorando as redes privadas, páginas mortas, etc, ainda temos uma
parte gigante da internet que está inacessível para a maioria dos usuários.


- Através de meta-tags no código fonte do site é fácil fazer com que essa parte da internet
não apareça no Google, Bing, Yahoo, etc. Logo, não é possível achar esses sites por
acaso, alguém tem que te passar.


- Os endereços não são .com, .org, .net. Eles usam usam um domínio diferente, que não
é acessível pelo navegador comum (.onion). Logo, não dá pra entrar na Deep Web
por acaso, mesmo que o processo pra ter acesso a ela seja simples.


- Nem tudo é ruim. Existe uma rede social anônima mantida pelo
Partido Pirata Chinês. Uma forma de se organizar e escapar da censura ditatorial chinesa.




AGORA PENSE....
Se o governo Brasileiro for na onda dos Estados Unidos e decidir censurar a internet, a Deep web vai se popularizar... ou talvez não.


É importante citar que, se voce ficou interessado em acessar-la, não vá com o estereótipo de que só ira encontrar coisas ruins, por que tudo depende de onde voce clica e de onde quer chegar, então preste atenção aonde esta se metendo.


Fonte:
http://forum.guiadohacker.com.br/showthread.php?t=17219
http://averdadeaqui.wordpress.com/2011/07/27/deep-web/
http://todososnomesestaoocupados.blogspot.com/2011/08/deep-web-o-abismo-da-internet.html
http://todososnomesestaoocupados.blogspot.com/2011/12/deep-web-o-abismo-da-internet-parte-2.html

Aprenda a alterar o proxy do seu navegador



Nem sempre você possui liberdade completa de navegação. Em algumas universidades, escolas e empresas, o acesso costuma estar um pouco mais restrito. Além disso, existem países com forte censura de conteúdo, permitindo que apenas determinados tipos de páginas possam ser vistas por seus moradores.
Também há situações nas quais alguns sites não disponibilizam o seu conteúdo para usuários de determinados países.  Nesses casos, não tem jeito: se você quiser ter acesso ao material bloqueado, será preciso utilizar um proxy.

Continue lendo.....

HOIC e LOIC – Derrubando servidores

Janeiro de 2012 marca uma data importante no calendário. Protestos contra projetos de lei, partiram das ruas para a internet, uma nova onda de ataques virtuais foram realizada. O alvo, sites do governo, indústria da música e cinema global, que planejam censurar a informação. E uma técnica compartilhada na internet se mostrou muito eficaz na onda de protestos. Se trata de um programa que “bombardeia” servidores que hosepdam sites, levando a interrupção de sua atividade. Conheça o LOIC ou HOIC.

Saiba Mais